sábado, 23 de maio de 2009

SÉCULO 21 - O DESAFIO DOS TRANSPORTES

Carros movidos a eletricidade não são uma novidade, e deveriam estar em circulação a bastante tempo, não fosse ação de poderosos grupos que controlam a produção mundial petróleo e de veiculos movidos a gasolina e derivados, mas agora com a poluição global chegando a niveis cada vez mais perigosos que comprometem a vida no planeta os governos estão mais conscientes dos novos caminhos a seguir.
Neste século 21, a tendência será diminuir cada vez mais o consumo de poluentes e priorizar o consumo de outras fontes de energia, principalmente a eletricidade, com uso dos carros eletricos e ferrovias, e não está descartado o uso da energia atômica para produzir eletricidade.
Segundo o Presidente Barak Obana, os carros americanos deverão sofrer mudança drásticas no que se refere ao consumo de combustiveis poluentes, peso, motor, aerodinãmica e materiais,
visando maior economia e despoluição, e isso significa menor consumo de petróleo e materiais poluentes, uma economia de quase dois bilhões de barris de petróleo, o equivalente a tirar 177 milhões de carros das ruas e das estradas, de acordo com a Casa Branca. E isso significará diminuir a dependência do petróleo que é importado do México, Arábia Saudita e Venezuela.

Os Estados Unidos agora vão adotar um comportamento bem diferente de quando não aceitou o Protocolo de Kyoto (acordo internacional para reduzir as emissões de gases-estufa dos países industrializados): passaram a obrigar as montadoras a aumentar a eficiência no consumo de combustíveis e reduzir as emissões de poluentes dos veículos.
No brasil está em andamento o audacioso projeto do Trem Bala, para ligar São Paulo ao Rio de janeiro, e futuramente todas as cidades do brasil, além da recuperação da malha ferroviária nacional.
Geraldo de Azevedo

Nenhum comentário: